domingo, 4 de julho de 2010

Games

Durante a minha infância, eu apreciava muito jogos de video-game. Eu tive o console Phantom System e depois um Master System II. Os dois chegaram a conviver por alguns anos. Eu jogava em uma TV Philco Preto-e-Branco. Sofria bastante o problema de ter poucos cartuchos.
Já na adolescência, passei a fazer uso de emuladores, e podia jogar nos consoles que não podia adquirir na infância (Snes e Mega Drive). Jogava alguns games de PC tb.
De um tempo pra cá, parei de jogar. Puta que pariu ! Eu mesmo que escrevi, há poucos dias atrás, que iria tomar uma postura mais zen. Precisei que um velho amigo me dissesse que eu estava "jogando fora o que me tornava mais jovem". Parei pra pensar e vi que não estava jogando mais, pq estava estudando, preocupado com dinheiro, trabalho, etc...
Olho-do-cú tudo isso ! Jogar video-games é uma ótima atividade para relaxar, desestressar e fazer uma meditação contemplativa. Portanto, estou de volta naquilo que me torna mais jovem.

2 comentários:

Anônimo disse...

faça resenhas de jogos q esteja jogando...

Ed disse...

Boa !